Vila Nova de S, Bento

Vila Nova de S. Bento é a localidade de nascimento da minha esposa.

Aproveitando a oportunidade de ali ter estado muito recentemente de férias, decidi fazer um pequeno artigo sobre esta vila.

Começo por falar sobre as suas origens.

Vila Nova de São Bento é uma vila rural do concelho de Serpa, no distrito de Beja.

As suas origens remontam ao século XIV. Conta-se que nos arredores, num sítio chamado Penalva, houve naqueles tempos um combate entre habitantes da aldeia há pouco formada e 500 Espanhóis que tinham roubado tudo o que encontraram, até os gados dos aldeões. Então, estes, armados de paus, de instrumentos agrícolas e do que puderam arranjar, perseguiram os Espanhóis, dispostos a dar a vida defendendo-se até ao fim. Deu-se então um facto curioso: os Espanhóis começaram a recuar porque se assustaram com um vulto que protegia os Portugueses. Os aldeões, ao regressarem à sua Igreja para agradecerem aquela vitória, encontraram a imagem de S. Bento com o hábito rasgado e a camisa tisnada. Pensando terem sido salvos pela ajuda de São Bento, escolheram-no para padroeiro e juntaram o nome do santo ao da sua terra, ficando a chamar-se Aldeia Nova de S. Bento.

Com o decorrer dos tempos Aldeia Nova de S. Bento tornou-se a maior aldeia do País. E como atingiu a certa altura grande desenvolvimento, passou a Vila em 11 de Março de 1988.

Vila Nova de São Bento tem uma zona de actividades económicas em expansão onde estão localizadas duas serralharias, duas carpintarias, uma oficina de venda e montagem de pneus, duas oficinas de mecânica auto e máquinas agrícolas, três salsicharias, uma empresa de armazém e distribuição de bebidas, uma empresa de armazenamento e distribuição de congelados, um supermercado, etc.

O comércio actual caracteriza-se pela existência de estabelecimentos como: cafés, restaurantes, mercearias, boutiques e comércio por grosso e a retalho.

Na área da economia social, há a salientar os serviços prestados à população idosa e carenciada pelo Lar de São Bento através das valências lar, centro de dia, serviço de apoio domiciliário e apoio a pessoas carenciadas, e pela Associação Aldeia Nova–Associação de Desenvolvimento Social de VNSB através da valência creche.

Pode-se saber mais sobre esta localidade do Baixo Alentejo carregando aqui. Ou também aqui.

Segue, entretanto, uma pequena reportagem sobre a Vila.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *